Início > Séries & Seriados, SBT, Televisão - Emissoras, Vídeos > Netinho Conta Novidades do Programa “Show da Gente”

Netinho Conta Novidades do Programa “Show da Gente”

04/05/2009

Ontem 03/04 no Domingo Legal, Netinho explicou várias coisas sobre o programa “Show da Gente”, e quem não viu vai ver o vídeo agora aqui no MultiGolb.

Créditos Pelo Vídeo: Xeque Mate – User do Fórum Natelinha

Vídeo Postado no Youtube

Postado por Cleberson

  1. JÉSSICA FERNANDES CAMPOS
    18/05/2009 às 13:26 | #1

    OI NETINHO ASISTO O SEU PROGRAMA DESDE DE QUANDO VOCE TINHA O QUADO DE UMA DIA DE PRINCESA NA RECOR GOSTO MUITO DO Q VOCE FAZ SEMPRE SE PREOCUPANDO COM AS PESSOAS E AJUDANDO, VOCE É UMA PESSOA ILUMINADA POR DEUS … ACHO Q NÃO TINHA OUTRA PESSOA IQUAL A VOCE, PARA FASER ESTO QUANDO NOVAMENTE, TENHO CERTEZA Q DESSA VEIS VAI SER MAS SUCESO AIDA TE DESEJO O MELHOR. E O TE MANDEI UM E- MAIL HEM … LER COM CARINHO E ME DAR TBM UMA OPORTUNIDADE .. TE AGRADEÇO COM MUITOS BEIJOS E SUCESO PARA VOCE .. TE ADORO…

  2. 14/06/2009 às 12:27 | #2

    vc deve melhorar o seu blog pois não dá para achar nada só tem coisa de vc nada do seu programa por favor faz isso tá
    bjão
    sua fã

  3. lucianaaraujodasilva
    15/06/2009 às 10:27 | #3

    oi netinho assisto o seu programa desde o outro quadro domingo da gente te admiro muito vc é iluminado humilde quem dera se eu pudesse participar do quadro um dia de princesa para mim seria um sonho bjssssssssssssssssssss de uma grande fã sua

  4. 27/06/2009 às 14:56 | #4

    EU HELENA TE GOSTO MUITO NETINHO ESPERO IR AO SEU PROGRAMA UM DIA BJOS ,EU NAO PERCO UM DIA SEU PROGRAMA QUERIA SER SUA PRICESA POR UM DIA EU E MINHA IRMA GEMEAS SERA NOSSA ALEGRIA ATE MAIS . ELA SE CHAMA TEREZA NOS TE AMAMOS VIU.

  5. 27/06/2009 às 14:58 | #5

    NETINHO EU TE ADORO MUITO GOSTARIA DE SER SUA PRINCESA POR UM DIA EU E MINHA GEMEAS TENHO 38 ANOS FIZEMOS AGORA EM JUNHO , SERA A NOSSA ALEGRIA BJOS TE ADORO MUITO VIU .

  6. Elza Coene
    08/07/2009 às 09:42 | #6

    Parabens! vc é iluminado.Não te peço nada para mim, mas para minha amiga Gilda de Santos, ajude por favor.

  7. DAniel
    22/08/2009 às 18:03 | #7

    Gostaria de saber o nome do outro motorista do Netinho de Paula que saiu pra fazer um tratamento de obsidade e nunca mais se falou nele. qual era o nome dele e oque aconteceu com ele.

  8. 10/09/2009 às 12:42 | #8

    oi netinho meu nome e jaqueline tenho 14anos que ria muito um dia de princesa com vc moro com minha avó i cim meus dois tio queria muito fazer meus 15anos e agora em dezembro mais n posso n tenho condicõe de fazer moro em salvador-ba na rua sa oliveira -plataforma n;55e

  9. Eugenia Nunes da Silva Santos
    29/10/2009 às 17:00 | #9

    netinho de Paula, seu sou Eugenia Nunes da Silva Santos, nasci no dia 13/08/1960.
    Me casei com 18 anos de idade com 23 anos eu tive a minha primeira filha com 25 anos
    ganhei a segunda filha com 33anos tive a meu filho casula, aos 36 anos a minha vida era mais
    ou menos, pois o meu marido era tratorista e trabalhava de ganhava um salário.
    Nessa época a minha saúde já não era muito boa, eu trabalhava de doméstica para
    ganhar um dinheiro a mais , fomos obrigado a deixa o município de pocané e fomos
    morar em uma comunidade rural para ver se tínhamos uma vida melhor para os nosso filhos
    não tivemos sorte logo depois, eu fique doente e meu marido perdeu o emprego ele tinha.
    Precisamos vender o que tínhamos para cuidar do meu problema de saude, e comprar comida e nos manter.
    As vezes me sinto culpada por favor me ajude, eu sofro muito e o meu marido esta desempregado
    devendo muito o nome sujo a minha filha mais velha teve que parar estudar e teve que parar de trabalhar e ela sonhava em cursar e formar em direito. Para ser advogada nossa condição financeira foi muito fraca mais eu tenho esperança
    e sonhos. A minha outra filha sonhava em formar em administração de empresa, devido a doença que eu tinha
    eles não conseguiram manter os estudos e realiza seu sonhos, e nem os nossos as duas mais velhas e estudaram ate o
    segundo ano do ensino médio uma tem três filhos esta desempregada mora de aluguel. a mais velha perdeu
    o marido porque veio a falecer, mora na casa da patroa com uma filha de 1 aninho de idade. O mas casula mora comigo

    e estuda o primeiro ano do ensino médio mas tem um problema a distância da escola 22 km e o ônibus falta muito

    e o meu filho esta ate pensando em desistir de estudar por ter bastante falta, é por isso que venho a traves desta
    carta para pedir um dia de princesa.
    Para aminha felicidade,pra minha vida seu Deus quiser um dia eu vou me deitar para e conseguir dormir sem preocupação. muitas pessoas falam pra min que eu nunca vou ganha o dia de princesa fala que é bobagem perda de tempo .
    _______________________________________________

    Netinho a mais de 10 anos eu tomo remédio controlado para cabeça que são anplictil ,anplitiplilina holopenidol diazpam eu tenho isquisofremia aquela doença que desmaiai quando da crize a pessoa esquece tudo mais mais agora graças a nosso bom deus já estou bem melhor pos eu uso vários tipo de remédio Netinho esta doença destruiu toda a nossa vida os nossos sonhos estava preste a realiza pois nois não tinha casa i nem lugar de moradia ha. 13 anos ganhamos da reforma agrária uma pequena terra i quatro peça de casa para nois netinho foi i é a maior alegria do mundo com todos os sofrimento pos nóis gostamos de trabalhar . Netinho eu amo esse lugar por que é aqui eu criei os meus filhos i ou estudo que elas tem do pouco foi daqui que conseguiram e também estou conseguindo recuperar da minha doença .Netinho só de pensar que estou de qualquer hora perde o meu lugar para o banco eu não consigo dormir e nem comer i estou preocupado muito netinho foi assim pegamos um projeto de 12 mil rais a nossa esperança era assim ele trabalhava de tratorista podia trabalhar e pagar os projeto nunca mais achou um emprego e o tempo passou os produto comprado com o dinheiro do projeto que podia vender para passar para o projeto tivemos que vender para cuidar da minha saude e o prazo do banco já venceu ai então ou banco não perdoa e nem espera e eu não quero perde minha terra pr favor netinho não deixa eu desesperado quando minha filhas quando elas pode elas mi ajuda mais agora uma que tem tres filhos nem o aluguel dela ela pode pagar esta desempregada a outra também trabalha domestica para cuidar da filha dela pequena de um ano o marido dela morreu .

    Netinho desde a primeira vez que eu vi os eu programa dia de princesa eu já comecei escrever você parou uns tempo e eu parei de escrever eu assistia na casa dos agora todo os sábados eu assisto na minha casa olha netinho nem lembro quantas cartas já mandei olha produção por favor quero ter pelo menos uma certeza se tenho possibilidades de ter pelo menos uma resposta por que o tanto de carta que eu já mandei para o seu programa e nunca teve nenhuma resposta e eu fico triste por favor e eu te peço de coração me ajude .

    Nétinho se eu perde essa terra a onde que eu vou morar……???????

    Nétinho eu vou parar por aqui mais desisto de mandar e mais e carta para o seu programa leia com muitas atenção

    assinado:Eugenia Nunes da silva santos

    endereço: Rodovia Adalto leite km 28 comunidade rural furna de buriti 1 lt 16

    cidade: poconé

    estado :MT

  10. Luciene Pereira
    17/02/2010 às 16:42 | #10

    Olá Gugu,
    Venho por meio desta: Conta um pouco da minha história e assim poder pedir a sua ajuda.
    Meu nome é Maria Marcia Santos de matos, tenho 35 anos , sou casada e tenho 2 filhos.
    Erlan com 16 anos e a Sarah com 01 ano, nasci na cidade de Nova Soure Bahia.
    Gugu a minha infancia sempre foi difícil pelo fato da minha família se humilde financeiramente , amo meus pais sempre fizeram de tudo pelos filhos, eramos em 7 crianças em casa passavamos até fome.
    Aos 17 anos conheci o Clovis , que é o pai do meu primeiro filho Erlan eu era ainda criança e ao conhece-lo eu pensava que casando seria uma despesa a menos na casa de meu pai … os mesmo não aceitavam este relacionamento, na época ele tinha 21 anos , a cidade toda sabia que ele é alcólatra , mas o meu desespero era tamanho de sair de casa que eu achava que isso não seria o problema.
    Durante e após a gravidez Clovis começou a me agredir e o pior quando nosso filho nasceu , também sofreu as agressões do pai a ponto de iamos para em delegacia, hospital , ele saia com a criança e esquecia o mesmo dentro do bar, ele mordia colocava o meu filho de joelho e fazia andar pela casa e me segurando fazia eu olhar … eu ficava em prantos.
    Então nos separamos e o tormento foi maior , além das perseguiçoes que sofri a necessidade de alimentação para meu filho e eu . Gugu ao recorda me emociono de tanta tristeza…
    Ao passar dos anos conheci outra pessoa , Rubens que loucura… ele era bem sucedido , eu tinha conforto … Mas relacionamento não seguiu adiante porque o mesmo não aceitava o meu filho , ele proibia de ve-lo
    Eu não aceitei, meu filho vinha me visitar e ele não deixar a criança entrar dentro da casa ; fugi da casa dele.
    E a perseguição de Clovis não acabava… aproximadamente 13 anos literalmente vim fugida para São Paulo… Mais sofrimento…
    Passei uns meses na casa de uma prima, onde sofremos maus tratos e fome , consegui um trabalho , e a minha mãe veio busca o Erlan para eu poder trabalhar já que eu dormeria no serviço .
    Meu Deus ! quanto sofrimento a ausencia do meu filho me corroia por dentro a ponto de me fazer enlouquecer, ficamos doente de saudades um do outro nossas vidas era somente lágrimas Erlan na Bahia e eu em São Paulo, até que passado dois anos resolvi sair do trabalho e morar com uma irmã (casada), para eu poder ficar ao lado de meu filho.
    Gugu eu não sei nem me expressar , minha irmã maravilhosa , sou grata e a amo, mas o meu ex cunhado era um monstro , por várias vezes tentou estrupa-me, na ausencia de minha irmã chegou por várias vezes rasga as minhas roupas , eu fiquei tão assustada que todas as noites eu pegava o meu filhinho e ia dormi na casa dos visinhos para não se molestada, contava para a minha irmã e a mesma não acreditava chegou até me acusar que eu estraguei o seu casamento, fico feliz de pode conta a minha história para o mundo saber assim ela também saberás que eu não inventei.
    Até que chegou um momento que meu dinheirinho acabou e assim fui morar com uma grande amiga um anjo que apareceu em minha vida .
    Novamente a minha mãe precisou vim buscar o meu filho, uma cena chocante fui leva os dois na rodoviária e ao parti vi uma lágrima escorrendo dos olhos de meu filho, me deu um desespero que as minhas pernas não aguentaram, cai de joelhos no chão e comeceia gritar a minha alma me consumia, pelo amor de Deus para o onibus, para este onibus ! e assim ele se foi onibus, minha mãe e meu Erlan, eu chorava que não consigo recorda-me como eu consegui chegar em casa neste dia.

    Passado um ano que meu filho estava na Bahia eu conheci uma anjo o nome dele é Josemir Machado, namoramos por 3 meses a nossa paixão era tamanha… que o mesmo convidou para residimos juntos , coloquei uma condição AME MEU FILHO MAIS DO QUE A MIM, alugamos uma casa com 2 quartos a espera do meu filho .
    Meu esposo trabalhava no cemércio e na data do dia 08-08-01 UMA DESGRAÇA ACONTECEU … eu estava em casa a espera do mesmo e derrente me faltou o ar senti uma angústia, e resolvi ligar em seu trabalho, ao ligar a atendente me perguntou voce não está sabendo
    Sem esperar o restante do diálogo comecei a gritar e pedir socorro, minhas vizinhas quando chegaram eu só apontava o telefone e dizia ele morreu ! ele morreu ! Ao completar o diálogo soubemos que ele sofreu um assalto e havia levado 5 tiros .
    Meu mundo desabou , eu já não enxergava mais nada o meu Josemir o meu anjo baleado o meu medo de perde-lo era tão grande que eu implorava a Deus que devolvesse a vida e não tira-se o mesmo de mim eu o amo incondicionalmente . Ele ficou 3 dias internado e recebeu alta. Gugu que desespero … necessitei sair do trabalho para cuidar do mesmo e neste meio tempo o meu filho chegou da Bahia , consegue imaginar nossa dificuldade financeira . Pedimos para a dona da casa abaixar o aluguel ela foi uma mãe.
    Gugu, o nosso desespero foi porque os tiros que ele levou no assalto uma das balas perfurou o intestino onde ele ficou 7 meses usando uma bolsa colostomia , que tristeza ve ele sofrendo, após 7 meses passoupor outra cirugia para reconstrução de seu intestino . O descaso dos médicos foi tão grande que deram os pontos internos com linha de nylon, por isso não cicatrizava ele regressou ainda 3 vezes ao hospital para fazer pescagem da linha, dos pontos.
    O meu desespero maior após 6 anos passado do assalto isso em 2007, descobriram que foram 6 tiros não 5 e que está bala está alojada no quadril, e o pior que se tirar ele pode perde os movimentos , as dores que ele sente são imensas e ele continua trabalhando em comércio em pé e isso a cada dia prejudica mais.
    Gugu logo em seguida engravidei, hoje minha linda filha tem 1 ano e 2 meses , essa foi uma benção que aconteceu dentro de tanto sofrimento e tristeza. Hoje eu não trabalho mais, e pagamos aluguel , por várias vezes eu presenciei ele chorando de saudades dos pais devido ao seu sofrimento a nossa família sofre também pela distancia e não poder ajuda-lo.
    O meu unico desejo é homenagia-lo por da sentido a minha vida , por isso venho humildemente pedir a sua ajuda para realizar o desejo dele de iamos embora de São Paulo, para cidade de Feira de Santana, Bahia .
    Quero agradece-lo por le a minha carta e colocar em publico a minha história de vida .
    Peço a Deus que ilumine a sua vida a sua família e o seu trabalho . Me despeço com lágrimas no olhar, um grande beijo.

    os tel para contato são 27852183- 82881128-83255657
    o tel da minha amiga que está enviando é 11 95427376 Luciene
    sem mais
    Maria Marcia.

  11. Luciene Pereira
    17/02/2010 às 16:45 | #11

    Olá Netinho,
    Venho por meio desta: Conta um pouco da minha história e assim poder pedir a sua ajuda.
    Meu nome é Maria Marcia Santos de matos, tenho 35 anos , sou casada e tenho 2 filhos.
    Erlan com 16 anos e a Sarah com 01 ano, nasci na cidade de Nova Soure Bahia.
    Netinho a minha infancia sempre foi difícil pelo fato da minha família se humilde financeiramente , amo meus pais sempre fizeram de tudo pelos filhos, eramos em 7 crianças em casa passavamos até fome.
    Aos 17 anos conheci o Clovis , que é o pai do meu primeiro filho Erlan eu era ainda criança e ao conhece-lo eu pensava que casando seria uma despesa a menos na casa de meu pai … os mesmo não aceitavam este relacionamento, na época ele tinha 21 anos , a cidade toda sabia que ele é alcólatra , mas o meu desespero era tamanho de sair de casa que eu achava que isso não seria o problema.
    Durante e após a gravidez Clovis começou a me agredir e o pior quando nosso filho nasceu , também sofreu as agressões do pai a ponto de iamos para em delegacia, hospital , ele saia com a criança e esquecia o mesmo dentro do bar, ele mordia colocava o meu filho de joelho e fazia andar pela casa e me segurando fazia eu olhar … eu ficava em prantos.
    Então nos separamos e o tormento foi maior , além das perseguiçoes que sofri a necessidade de alimentação para meu filho e eu . Netinho ao recorda me emociono de tanta tristeza…
    Ao passar dos anos conheci outra pessoa , Rubens que loucura… ele era bem sucedido , eu tinha conforto … Mas relacionamento não seguiu adiante porque o mesmo não aceitava o meu filho , ele proibia de ve-lo
    Eu não aceitei, meu filho vinha me visitar e ele não deixar a criança entrar dentro da casa ; fugi da casa dele.
    E a perseguição de Clovis não acabava… aproximadamente 13 anos literalmente vim fugida para São Paulo… Mais sofrimento…
    Passei uns meses na casa de uma prima, onde sofremos maus tratos e fome , consegui um trabalho , e a minha mãe veio busca o Erlan para eu poder trabalhar já que eu dormeria no serviço .
    Meu Deus ! quanto sofrimento a ausencia do meu filho me corroia por dentro a ponto de me fazer enlouquecer, ficamos doente de saudades um do outro nossas vidas era somente lágrimas Erlan na Bahia e eu em São Paulo, até que passado dois anos resolvi sair do trabalho e morar com uma irmã (casada), para eu poder ficar ao lado de meu filho.
    Netinho eu não sei nem me expressar , minha irmã maravilhosa , sou grata e a amo, mas o meu ex cunhado era um monstro , por várias vezes tentou estrupa-me, na ausencia de minha irmã chegou por várias vezes rasga as minhas roupas , eu fiquei tão assustada que todas as noites eu pegava o meu filhinho e ia dormi na casa dos visinhos para não se molestada, contava para a minha irmã e a mesma não acreditava chegou até me acusar que eu estraguei o seu casamento, fico feliz de pode conta a minha história para o mundo saber assim ela também saberás que eu não inventei.
    Até que chegou um momento que meu dinheirinho acabou e assim fui morar com uma grande amiga um anjo que apareceu em minha vida .
    Novamente a minha mãe precisou vim buscar o meu filho, uma cena chocante fui leva os dois na rodoviária e ao parti vi uma lágrima escorrendo dos olhos de meu filho, me deu um desespero que as minhas pernas não aguentaram, cai de joelhos no chão e comeceia gritar a minha alma me consumia, pelo amor de Deus para o onibus, para este onibus ! e assim ele se foi onibus, minha mãe e meu Erlan, eu chorava que não consigo recorda-me como eu consegui chegar em casa neste dia.

    Passado um ano que meu filho estava na Bahia eu conheci uma anjo o nome dele é Josemir Machado, namoramos por 3 meses a nossa paixão era tamanha… que o mesmo convidou para residimos juntos , coloquei uma condição AME MEU FILHO MAIS DO QUE A MIM, alugamos uma casa com 2 quartos a espera do meu filho .
    Meu esposo trabalhava no cemércio e na data do dia 08-08-01 UMA DESGRAÇA ACONTECEU … eu estava em casa a espera do mesmo e derrente me faltou o ar senti uma angústia, e resolvi ligar em seu trabalho, ao ligar a atendente me perguntou voce não está sabendo
    Sem esperar o restante do diálogo comecei a gritar e pedir socorro, minhas vizinhas quando chegaram eu só apontava o telefone e dizia ele morreu ! ele morreu ! Ao completar o diálogo soubemos que ele sofreu um assalto e havia levado 5 tiros .
    Meu mundo desabou , eu já não enxergava mais nada o meu Josemir o meu anjo baleado o meu medo de perde-lo era tão grande que eu implorava a Deus que devolvesse a vida e não tira-se o mesmo de mim eu o amo incondicionalmente . Ele ficou 3 dias internado e recebeu alta. Gugu que desespero … necessitei sair do trabalho para cuidar do mesmo e neste meio tempo o meu filho chegou da Bahia , consegue imaginar nossa dificuldade financeira . Pedimos para a dona da casa abaixar o aluguel ela foi uma mãe.
    Netinho o nosso desespero foi porque os tiros que ele levou no assalto uma das balas perfurou o intestino onde ele ficou 7 meses usando uma bolsa colostomia , que tristeza ve ele sofrendo, após 7 meses passoupor outra cirugia para reconstrução de seu intestino . O descaso dos médicos foi tão grande que deram os pontos internos com linha de nylon, por isso não cicatrizava ele regressou ainda 3 vezes ao hospital para fazer pescagem da linha, dos pontos.
    O meu desespero maior após 6 anos passado do assalto isso em 2007, descobriram que foram 6 tiros não 5 e que está bala está alojada no quadril, e o pior que se tirar ele pode perde os movimentos , as dores que ele sente são imensas e ele continua trabalhando em comércio em pé e isso a cada dia prejudica mais.
    Netinho logo em seguida engravidei, hoje minha linda filha tem 1 ano e 2 meses , essa foi uma benção que aconteceu dentro de tanto sofrimento e tristeza. Hoje eu não trabalho mais, e pagamos aluguel , por várias vezes eu presenciei ele chorando de saudades dos pais devido ao seu sofrimento a nossa família sofre também pela distancia e não poder ajuda-lo.
    O meu unico desejo é homenagia-lo por da sentido a minha vida , por isso venho humildemente pedir a sua ajuda para realizar o desejo dele de iamos embora de São Paulo, para cidade de Feira de Santana, Bahia .
    Quero agradece-lo por le a minha carta e colocar em publico a minha história de vida .
    Peço a Deus que ilumine a sua vida a sua família e o seu trabalho . Me despeço com lágrimas no olhar, um grande beijo.

    os tel para contato são 27852183- 82881128-83255657
    o tel da minha amiga que está enviando é 11 95427376 Luciene
    sem mais
    Maria Marcia.

Os comentários estão desativados.
Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: